•  

      SELO_22_ANOS CERTIFICACAO   SEJA_UM_APOIADOR

15/03/2021 – ESCRITÓRIO DO FUTURO – Home office (15/03/2021)

RH_PREMIUM_SITE

“O RH deverá assumir a sensibilização e capacitação dos gestores que, na minha opinião, é o segredo do sucesso nesse processo de implantação.”

Luis Otávio Camargo Pinto, presidente da SOBRATT

ESCRITÓRIO DO FUTURO – Home office

Protagonista em 2020, a expectativa é de que o home ofce siga em debate neste ano ganhando novos contornos e amadurecimento nas organizações.

Ao longo de 2020 o termo “home office” esteve em evidência e ganhou ainda mais protagonismo. Enquanto algumas organizações precisaram de uma profunda adaptação para trabalhar a distância, outras tiveram menos diculdade por já aderirem ao modelo uma ou mais vezes por semana – ou até mesmo integralmente. Mas, nas diferentes realidades, o cenário trazido pela pandemia do novo coronavírus foi inédito.

A expectativa para 2021 é que o modelo de trabalho remoto siga em debate, mesmo porque ainda há espaço – e questões – a serem preenchidas. Em setembro do ano passado, o RH Pra Você e a SocialBase divulgaram a pesquisa “Os erros e acertos do home oce durante a pandemia”.

Realizada com 475 respondentes, ela revelou que mais de 70% dos prossionais não atuavam com o home oce em sua  empresa e passaram a fazê-lo durante a pandemia da Covid-19, o que mostra o quanto as companhias precisaram de mudanças rápidas e até não planejadas para enfrentar a crise sem enfraquecer o negócio.

Embora para 65,6% do público pesquisado a experiência tenha sido avaliada como boa ou ótima, 43,46% armaram que as organizações em que atuam não planejam manter o trabalho remoto ou ainda não haviam divulgado se o home oce integraria seu modelo de atuação após o m da pandemia.

Leia a entrevista na íntegra, clicando AQUI.

<< Voltar