•  

      20_anos_SOBRATT  CERTIFICACAO   SEJA_UM_APOIADOR

01/06/2015 – Sobratt lança certificação em teletrabalho (01/06/2015)

Selo assegura que empresa cumpre boas práticas de gestão de pessoas e requisitos legais
01/06/2015 09:12
 

 

Alvaro Mello – Presidente da SOBRATT – Sociedade Brasileira de Teletrabalho e Teleatividades

 

Pesquisa realizada pela Sobratt, Sociedade Brasileira de Teletrabalhos e Teleatividades, com 88 empresas, de grande e médio porte, mostrou  que 66,67%  delas não possuem contrato específico para o trabalho remoto, e 83,33% informaram que não oferecem treinamento especial. A fim de aprimorar a modalidade do teletrabalho no País, dando mais segurança à empresa e o colaborador, a Sobratt criou, então, a Certificação de Boas Práticas em Teletrabalho. A concepção e  gerenciamento da certificação é do Instituto Totum.
 
Para obter o selo, que é renovado a cada ano, a empresa deve obedecer às normas de boas práticas que se apoiam em cinco pilares:  processo de teletrabalho, tecnologia de informação e comunicação, segurança jurídica, gestão de pessoas e cultura organizacional. O processo de obtenção do Selo começa com uma autoavaliação feita pela empresa, e se caso seja atingida a pontuação necessária, o Instituto Totum realiza uma auditoria na documentação. Na sequência, a Comissão de Certificação avaliará o processo e, se a empresa for aprovada, receberá o selo de Boas Práticas em Teletrabalho.
 
"É muito importante definir as práticas gerenciais para gestão de pessoas, assegurando atendimento a requisitos legais, e garantindo os critérios e indicadores para a prestação de serviços, controle de acesso, avaliação de desempenho e condições de trabalho", afirma Alvaro Mello, presidente  da Sobratt. Para o sócio-diretor do Instituto Totum, Fernando Giachini Lopes, o selo é uma chancela de que a empresa segue as boas práticas de teletrabalho, tanto no gerenciamento de pessoas como no tocante a requisitos legais e tecnologia.

 

 

<< Voltar